FDA aprova anticorpo ANTI–PD 1 da MSD, KEYTRUDA® (PEMBROLIZUMAB) para doentes com melanoma metastático

KEYTRUDA® (pembrolizumab), a terapêutica anti-PD-1 da MSD, foi aprovada esta sexta-feira (5 de setembro) pela FDA (Food and Drug Administration) para o tratamento do melanoma metastático inoperável em doentes que tenham sido tratados previamente com Ipilimumab. Esta é a primeira aprovação mundial de KEYTRUDA®, que se torna a primeira terapêutica anti-PD-1 aprovada nos Estados Unidos da América.

Esta rápida aprovação deve-se à FDA ter aceite rever, em maio de 2014, o pedido de aprovação de pembrolizumab com carácter de urgência, no âmbito do Programa de Autorização Acelerada, considerando a importância dos resultados dos primeiros estudos e a existência de uma necessidade médica descoberta.

De acordo com Leonardo Santarelli, Diretor Geral da MSD Portugal, “este é um marco importante para os doentes com melanoma e para a MSD, que reforça o compromisso e determinação enquanto empresa que se dedica à investigação e ao desenvolvimento de terapêuticas que marcam a diferença na vida dos doentes oncológicos. Toda a equipa da MSD em Portugal está a trabalhar no sentido de acelerar o acesso a pembrolizumab, assim que seja aprovado pela EMA”.

Press Release