Dia Mundial das Hepatites

Opinião


Por Henrique Ferreira

28 de Julho de 2018

O compromisso da MSD com o tratamento da Hepatite C conta já com quase 30 anos. A constante inovação traduziu a nossa missão e hoje conseguimos tratar muitos doentes e salvar vidas de quem já apresenta situações complicadas decorrentes da presença do vírus há muitos anos. E vamos continuar por aqui.

Temos neste momento o copo meio cheio, com tratamentos eficazes para curar os doentes e praticamente sem efeitos secundários. Este copo, cheio, traz-nos, a nós MSD, e a todos os que lidam com esta doença, uma satisfação enorme. Mas agora põe-se uma pergunta pertinente: o que falta para encher este copo?

A MSD associa-se ao Dia Mundial das Hepatites apoiando uma campanha da World Hepatitis Alliance, chamada “Finding the Missing Millions”.

Portugal e muitos outros países do mundo precisam de fazer mais para se atingir o objectivo de OMS para 2030, de eliminar a Hepatite C. Sabe-se que 9 em cada 10 pessoas vivem com Hepatite B ou C e desconhecem-no em absoluto.

Temos que promover informação sobre a doença, aumentar os rastreios e os diagnósticos e por fim trazer estas pessoas para os cuidados de saúde. Se não o fizermos corremos sérios riscos de mais pessoas se infectarem e que hajam vidas que já não consigamos salvar.

O que se pretende com a campanha “Finding the Missing Millions”?

Sensibilizar e combater as barreiras que levam a uma baixa taxa de diagnósticos, nomeadamente:
• Pouco conhecimento público sobre a doença;
• Pouco conhecimento sobre a doença por muitos profissionais de saúde;
• Falta de acesso simples e rápido aos testes de rastreio;
• Estigma e discriminação;
• A falta de meios dos doentes.

A única maneira de curar estes doentes é enchermos o copo e conseguirmos chegar até eles.

A campanha “Finding the Missing Millions”, a que a MSD se junta com muito orgulho e determinação, tem como objectivo deixar cair as barreiras que relevei e pôr as organizações da sociedade civil, e aqueles que representam as pessoas afectadas, no centro da acção.

Veja como pode associar-se a esta campanha em: http://www.worldhepatitisalliance.org/world-hepatitis-day/world-hepatitis-day-2018.

Henrique Ferreira é Medical Advisor para a área de Hepatologia na MSD Portugal

Publicado a